Patrão viaja com funcionária, oferece bebida alcoólica e tenta assediá-la, em Uberaba

Um empresário, de 25 anos, é acusado por uma funcionária, de 23, de ter tentado assediá-la e oferecido bebidas alcoólicas durante uma viagem a trabalho para São Paulo (SP).

Segundo boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), a vítima saiu com o suspeito de Uberaba, no Triângulo Mineiro, com destino a São Paulo. Conforme a jovem, a viagem estava marcada desde o início deste mês.

Porém, ao chegar à cidade, ele disse que se outra funcionária tivesse viajado no lugar dela, ela iria “passar marcha para ele” e dormir no mesmo quarto. Além disso, o suspeito teria dito que no hotel havia apenas um quarto e que eles teriam que dormir no mesmo local, sendo ela na cama e ele no sofá. Mas que, ao chegar ao hotel, havia dois quartos reservados para cada um deles.

Ainda de acordo com a vítima, o autor tentou diversas vezes oferecer bebidas alcoólicas para ela durante um evento e que ela recusou todas as tentativas. Depois, ao retornar para o hotel, a jovem recebeu uma chamada de vídeo da avó perguntando onde ela iria dormir. Na ocasião, o suspeito estava do lado dela e disse: “fala para ela ficar tranquila que eu vou te colocar para dormir”.

Assim que chegaram ao hotel, cada um seguiu para o seu quarto, porém a jovem relatou à polícia não ter conseguido dormir porque estava nervosa com a situação. Além disso, assim que foram tomar café pela manhã, o empresário questionou se estava acontecendo algo, segurou em seu braço e ela retirou a mão do homem. A vítima explicou ainda que novamente, quando estavam dentro do elevador, o suspeito tentou passar a mão em seu braço e ela mais uma vez retirou.

Após o ocorrido, a vítima entrou em contato com o namorado e pediu dinheiro para ir embora, com a justificativa de que estivesse passando mal, assim como explicou para o empresário. Em seguida, ela retornou para Uberaba.

Conforme registro policial, a mãe da vítima a buscou na rodoviária e o autor depois entrou em contato com sua avó para saber se estava tudo bem. A jovem acabou relatando para a mãe o que havia acontecido em São Paulo, que o empresário tentou assediá-la e que por esse motivo resolveu ir embora.

O suspeito foi até à residência da vítima e foi questionado pela mãe da jovem sobre o ocorrido. Na ocasião, ele explicou que se tratava “apenas de uma brincadeira”. O caso será investigado. 

Por: Rádio Itatiaia. Emissora parceira da Rádio Vitoriosa

LIVE OFFLINE
track image
Loading...