Trilhas de Futuro abre 40 mil vagas em cursos técnicos gratuitos para estudantes do ensino médio

Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Educação (SEE/MG), anunciou a 2ª edição do Trilhas de Futuro, programa que traz oportunidade de formação para o mercado de trabalho aos jovens estudantes mineiros, com a disponibilização de cursos técnicos gratuitos.  

Para este ano serão 40 mil novas vagas, em todas as regiões do estado, e as instituições de ensino interessadas em oferecer as formações poderão se credenciar já a partir de segunda-feira (14/2). O edital de chamamento público com as regras desta edição será publicado neste sábado (12/2) no Diário Oficial de Minas Gerais.

Serão priorizados cursos e localidades com maior perspectiva de emprego para os jovens, considerando histórico de empregos de cada área na região e fatores demográficos de cada um dos municípios mineiros. Serão ampliadas as opções de formação para os jovens, com a oportunidade de novos cursos. 

A proposta do novo edital é ampliar em pelo menos 50% os municípios que disponibilizam o programa. Nesta edição, o mapeamento considerou também a existência de instituições que oferecem os cursos prioritários com base no censo escolar. O edital prevê  116 cursos diferentes, em 97 municípios prioritários, sendo 56 novos em relação ao primeiro edital. 

As entidades de ensino credenciadas em 2021 permanecem ativas no programa. Elas poderão oferecer novas vagas em 2022 e, ainda, pleitear o credenciamento de novos cursos. 

Alunos da rede estadual têm prioridade 

Estudantes do 2º e 3º anos do ensino médio regular e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e egressos do ensino médio são o público alvo do Trilhas de Futuro. As vagas serão priorizadas aos alunos da rede pública estadual, seguida das demais redes pública e privada. 

A ajuda de custo para vale-transporte e alimentação será mantida nesta segunda edição do programa e o valor previsto será de R$ 18 ao dia. 

Primeira edição  

Em 2021, primeira edição do Trilhas de Futuro, o programa disponibilizou 75 mil vagas. Hoje, há um total de 71.500 alunos matriculados e cursando uma formação técnica em 110 municípios mineiros. 

A primeira edição contou com mais de 50 opções de cursos técnicos com investimento governamental de R$ 1 bilhão. As primeiras turmas iniciaram as atividades em 25 de outubro de 2021. 

LIVE OFFLINE
track image
Loading...